Loading...

30 de jun de 2011

Pare de se reprimir


O que você faria se alguém o tratasse do jeito como você mesmo se trata? Como você reagiria se alguém o criticasse da forma como você se critica?

Como seria se alguém lhe impusesse o mesmo derrotismo que você escolheu para si? E se alguém o impedisse de aproveitar a vida da mesma forma que você se nega esse prazer?

Sem dúvida você iria se sentir ultrajado. Provavelmente entraria com um processo, mandaria prender essa pessoa ou procuraria se vingar.

Ainda assim, todo dia você se reprime sem perceber. Se nunca deixaria alguém tratá-lo assim, por que então você se permite fazê-lo?

Você tem controle sobre suas próprias ações, seus próprios pensamentos e sentimentos. Pare de se derrotar. Permita-se viver, ser vitorioso, aproveitar a vida. Seja bom consigo mesmo. Você merece.

Ser único


Vários especialistas conseguem definir as reais necessidades humanas. Mas poucos conseguem entendê-las diante de uma percepção mais humanística. Isto ocorre porque geralmente somos rotulados e definidos através de uma média geral. 
O ser humano em toda a sua complexidade é um ser único, cheio de expectativas e com sonhos exclusivos. O que serve para “A” poderá não servir para “B”. Entender este princípio básico da vida é o mesmo que elevar o grau de compreensão das pessoas em todos os seus aspectos e particularidades, abrindo assim novas portas para a felicidade e o amor ao próximo. Afinal de contas, estamos todos juntos neste lindo planeta azul, que gira em volta de um lindo sol dourado, cheio de energias destinadas a você. 

Seis Dicas Para Quem Tem Um Chefe Narcisista

Difícil não reconhecermos algum parente ou colega de trabalho, quando lemos um pouco da teoria sobre o narcisismo...
Difícil não reconhecermos algum parente ou colega de trabalho, quando lemos um pouco da teoria sobre o narcisismo. Nada fácil é nos enxergar nela, assumir nosso telhado de vidro. Mas o fato é que, em maior ou menor grau, todos somos narcisistas e talvez seja o Narciso em nós que nos impulsione a buscar e alcançar nossas ambições.

Isso posto, deixarei o politicamente correto de lado, para confessar que, ao estudar o narcisismo, uma fila de chefes que tive desfilou pela minha mente. Por que os chefes? Ora, precisa explicar? Chefes são as personagens mais engraçadas, se tivermos condições de olhá-los a distância, mais longe de todo o amor e todo o ódio que possam despertar em nós. Aos nossos olhos subalternos e parciais, são como caricaturas, isto é, têm alguns traços exagerados: um nariz gigante ou um ego descomunal. Como já fui tanto chefe quanto subordinada, falo isso com tranquilidade.

Mas suponhamos que o narcisista é o seu chefe. Com base nas características que os grandes estudiosos Heinz Kohut, Otto Kernberg e Alexandre Lowen elencam sobre o narcisista que ouso chamar “típico” (com base na observação de ambientes de trabalho), deixo aqui algumas dicas que lhe ajudarão a jogar o jogo. Ou a romper com ele.

1ª: deixe que ele se exiba – como uma menininha que desfila, orgulhosa, sua fita cor-de-rosa no cabelo, o chefe narcisista gostará de desfilar seus predicados para você. Mostre-se receptivo a ouvi-lo e sorria enquanto o faz. Se não tiver o que dizer, use exclamações e perguntas vazias e ambíguas, mas que podem mostrar interesse, como: “É mesmo?”, “Não acredito que você fez isso!” ou “E aí, o que aconteceu?”. Não boceje.

2ª: faça bilu-bilu – o narcisista não foi suficientemente espelhado em sua infância. Seja um pouco mamãe ou papai do seu chefe narcisista e faça bilu-bilu nele. O narcisista adora adulação e é justamente aí que reside seu maior ponto fraco. Ele quer ser admirado e você não deve poupar elogios. Se o seu chefe é um narcisista de carteirinha, não se preocupe. Ele não notará, se você estiver sendo mais falso que uma nota de R$3. Afinal, você vive dizendo que ele não consegue distinguir os puxa-sacos dos colaboradores que, de fato, colaboram, não é? Se não pode vencê-los...

3ª: nunca discorde, pelo menos não diretamente – o supernarcisista não lhe enxerga como um ser humano à parte. Você é parte dele e não pode, em nenhuma hipótese, estar em dissonância com o que ele quer. Ao discordar, você o estará rejeitando, e não colocando sua opinião franca para o bem da empresa. Assim, se você não quer tirá-lo do sério, você pode escolher entre simplesmente dizer que concorda ou, então, dizer, com muita calma e sorriso no rosto, que ele tem razão em destacar isso e aquilo, mas que você tem uma dúvida e deseja perguntar se ele considerou aquilo outro... Discorde sem discordar. Similarmente, jamais demonstre indiferença ou desaprovação em relação às preferências do chefe. Nunca diga “golf me dá sono” ou “gosto mais do interior de Minas do que de Miami”, se ele joga golf e acha Miami bárbara. Jamais ponha em cheque a ilusão de poder do narcisista sobre os pensamentos alheios. Você poderá mesmo despertar a fúria narcísica. E aí vêm gritos, broncas desproporcionais e vingança. Você já reparou como ele se vinga? Pensava que fosse uma questão zodiacal?

4ª: não se deixe abalar pelo sadismo – o sádico narcisista tentará, de algum modo, diminuir seu valor. Talvez seja o único jeito que ele encontrou para aumentar seu próprio valor. Não esquente. Ele divide o mundo em aspectos bons e maus. É claro que ele está no lado bom. Ah, os outros são tão maus! Mas tudo tem limite: não confunda estilo de liderança com abuso moral, que dá até processo (o que não é nada perto das crises de ansiedade, pânico e gastrite que a parte vitimada pode ter).

5ª: não apele para os sentimentos – narcisistas não sentem. Eles aprenderam, em algum ponto, que sentir é ruim. Bloquearam o acesso ao coração, por mais “generosos”, “simpáticos” e “sedutores” que lhe pareçam. Assim, ele também não terá nenhuma sensibilidade em relação aos seus sentimentos (esqueça a empatia), tampouco você deve aborrecê-lo com comentários do tipo “Você deve estar muito triste com a morte do seu cachorro, eu também sofri quando o meu morreu”, ou “Você também não está com saudades do fulano que está em férias?”. Também não tente convencê-lo de que ele deve agir assim ou assado, para que as pessoas fiquem mais felizes ou para que a vida no planeta seja mais pujante. No máximo, ele poderá ser adestrado, se conseguir ligar uma mudança decomportamento ao enaltecimento de sua imagem, como, por exemplo, ser reconhecido como um líder que abraçou a causa ecológica. O narcisista se esmera para cultivar sua imagem. Ele não sabe que sua casca não corresponde à sua essência, aquela que ele precisou bloquear e, por isso, não tem acesso aos sentimentos.

6ª: louve símbolos que o dinheiro compra – não tente convencer seu chefe narcisista de que andar descalço no litoral com seu filho lhe faria bem à saúde física, mental e espiritual. “Espiri-o-quê?” Você o aborrecerá com qualquer conselho que não seja “apareça”. Ele nutre a imagem, como disse. Então, ele não consegue se desapegar do que a sociedade entende como vitória. No nosso caso, isso ainda parece ter a ver com status, fama, grifes, barriga de tanquinho e muito trabalho. Seu valor reside mais no número de e-mails que ele recebe em seu smartphone do que no número de sorrisos que seu filho lhe dá. Se você deixar claro que não compartilha certos valores, terá problemas. Pelo menos finja que quer ser igualmente V.I.P.

Assim se dança conforme a música, o que pode ser muito oneroso. Quero ressaltar que os efeitos do narcisismo dependem não apenas do grau em que traços como os que citei aparecem no chefe ou em quem quer que seja, mas também das características daqueles que estão sob a mira do narcisista. Alguns de nós somos mais suscetíveis, dependentes ou masoquistas, outros menos.

O assunto merece, certamente, tratamento muito mais sério do que o que aqui adotei. Mas talvez o sarcasmo seja uma estratégia de denúncia. E também de estímulo à reflexão. O que o move? Imagem e poder mais do que sentimentos genuínos? De que você mais precisa: admiração ou paz de espírito? Como anda se comportando o narcisista que existe em você?



Por Alexandra Delfino de Sousa (administradora de empresas e diretora da Palavra Mestra)

29 de jun de 2011

Sucesso



Aos 02 anos sucesso é: conseguir andar.
http://3.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEd_XtCKUI/AAAAAAAAAU8/kcALq73Xs60/s200/456411.gif
Aos 04 anos. Sucesso é: não fazer xixi nas calças.
http://3.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeJ7mgHgI/AAAAAAAAAV0/6ezNetUv2tg/s200/imagem.JPG
Aos 12 anos. Sucesso é: ter amigos. http://3.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeNkM16oI/AAAAAAAAAWM/vcQULEXXKIQ/s200/quando-os-filhos-podem-viajar-com-os-amigos-57-36.jpg
Aos 18 anos. Sucesso é: ter carteira de motorista. 

http://2.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeO627zRI/AAAAAAAAAWU/V-G41TVbrfk/s200/Renova%C3%A7%C3%A3o-CNH-Poupatempo.jpg
Aos 20 anos. Sucesso é: fazer amor. http://3.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeDhGRIoI/AAAAAAAAAVU/6B6exNe_kbo/s200/amor.jpg
Aos 35 anos. Sucesso é: dinheiro. http://3.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeIWN-fxI/AAAAAAAAAVs/h1-qN5ce7KQ/s200/empreendedor.jpg
Aos 50 anos. Sucesso é: dinheiro. http://2.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeMEzmWPI/AAAAAAAAAWE/teDwIRwr3Bs/s200/livro-o-empreendedor-roberto-justus1.jpg
Aos 60 anos. Sucesso é: fazer amor. http://4.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeQUy7lII/AAAAAAAAAWc/eXWJ2cAzS8Y/s200/terceira_idade_2_jpg.gif
Aos 70 anos. Sucesso é: ter carteira de motorista. 
http://1.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeE9jCp2I/AAAAAAAAAVc/Z3tXzBeHdcQ/s200/Carteira+de+motorista.jpg
Aos 75 anos. Sucesso é: ter amigos. http://1.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeRbAg3pI/AAAAAAAAAWk/B8AhPQeMlAU/s200/terceira-idade-internet.jpg
Aos 80 anos. Sucesso é: não fazer xixi nas calças. http://3.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeGbGy7oI/AAAAAAAAAVk/bPBih2sPEvY/s200/d624f5f4fda475c1ecc99da51bd28de0.jpg
Aos 90 anos. Sucesso é: conseguir andar.http://3.bp.blogspot.com/_mix3yerJ-dY/THEeAhmFd_I/AAAAAAAAAVE/HOQSA36khTc/s200/54277886_1.jpg

ASSIM É A VIDA... 
NÃO DEIXE PRÁ AMANHÃ, O QUE VC PODE FAZER HOJE. 


 “... NÃO LEVAMOS NADA DESSA VIDA... PARA QUE PERDER TEMPO COM MALDADE, COM FALSIDADE, COM FALTA  DE AMOR...
TODOS TEREMOS O MESMO DESTINO, INDEPENDENTEMENTE DA CONDIÇÃO FINANCEIRA, DA CLASSE SOCIAL; PORTANTO , AME , BRINQUE , PERDOE E APROVEITE A VIDA....”
“SEJA FELIZ”

28 de jun de 2011

Ser forte



SER FORTE

Ser forte é amar alguém em silêncio.

Ser forte é deixar-se amar por alguém que não se ama.

Ser forte é fingir alegria quando não se sente.

Ser forte é sorrir quando se deseja chorar.

Ser forte é consolar quando se precisa de consolo.

Ser forte é calar quando o ideal seria gritar a todos a sua angústia.

Ser forte é irradiar felicidade quando se é infeliz.

Ser forte é esperar quando não se acredita no retorno.

Ser forte é elogiar quando se tem vontade de maldizer.

Ser forte é manter-se calmo no desespero.

Ser forte é fazer alguém feliz, quando se tem o coração em pedaços.

Ser forte é ter fé naquilo em que não se acredita.

Ser forte é tentar perdoar alguém que não merece perdão.

Ser forte é, enfim, viver quando já se está morto.

Por isso, por mais difícil que seja a vida ame-a: seja forte!

27 de jun de 2011

O verdadeiro amor não dói


Quando um relacionamento amoroso acaba e ocorre a separação, somos impelidos a mudar nosso foco de atenção. Retornamos para dentro de nós e passamos a enxergar fatos que antes negávamos. Este processo é na maioria das vezes doloroso, porém nos propicia um imenso crescimento interior que não imaginávamos experimentar.
Tal crescimento se faz necessário para evitar a busca de outro parceiro idêntico ao anterior, pois as pessoas que atraímos apenas no revela aquilo que realmente somos e podemos dizer que são nosso reflexo. Se nossa auto-estima é baixa, buscaremos sempre no outro o nosso contraponto.
Freud afirma que até os sete anos decretamos o papel que vamos viver na vida, e que todo homem que trás uma relação mal resolvida com sua mãe poderá ter um casamento confuso, complicado.
A famosa frase "Todo homem, no fundo, procura uma mãe e por isso não se casa com uma menina de vinte anos" revela que o homem busca a menina para viver alguns momentos. Ele experimenta, vivencia o momento de caçador para suas aventuras, mas busca a mulher "mãezinha" para casar, para ser aquela com quem viverá para o resto da vida, pressupondo que a mesma atenderá às suas necessidades físicas e emocionais.Ao superar conflitos interiores, reconhecendo quem realmente somos, dispensando disfarces, é possível compreender que o prazer numa relação amorosa implica em ter consciência de nossa verdade interior. A grande sacada para um relacionamento saudável é reconhecer quem sou, onde estou, quais são meus pontos fracos e fortes, quais são as minhas fantasias. Raramente o ser humano está em seu presente, a maior parte do tempo está no seu passado ou no seu futuro, e na verdade é necessário viver o aqui e agora e não ficar amarrado no passado ou projetando sua felicidade no futuro.Devido a este inadequado padrão de pensamento, a maior parte das pessoas acha que o grande amor é ilusão e que apenas o seu vizinho é merecedor de viver um grande amor. Isto porque, ao desconhecer seu poder interior, não se dão conta que a fonte de amor está dentro de si. Ao contrário, esperam que o outro venha lhe fazer feliz, que o outro venha atender aos seus desejos. 
Ao conviver com a solidão, é comum as pessoas atribuírem à pessoa desejada a responsabilidade pelo seu bem estar:

- Preciso de alguém que seja confiável!- Preciso de alguém que tenha o meu nível cultural e social!Fica evidente que, na maioria das vezes, não se fala nada sobre o outro, não se pensa nele, apenas o pedido que corresponda às suas expectativas é importante. Assim, não se ama o outro como ele realmente é, mas sim como gostaríamos que fosse. Uma das formas de ampliar a consciência é mudar algumas atitudes em nós mesmos, buscando um novo padrão de pensamento e entrando em nova sintonia, assim atrairemos o que realmente desejamos, uma vez que a fonte somos nós, destruindo a crença de que a minha felicidade está em poder de outra pessoa.
"Ao descobrir que o outro me faz feliz porque me faz crescer, percebemos o quanto é gostoso brincar de viver" (Guilherme Arantes).

Conscientes de que ninguém tem o poder de nos fazer felizes ou infelizes sem a nossa permissão, podemos iniciar um novo ciclo reconhecendo que nada é mais prazeroso que um amor saudável, descontraído e principalmente sem dores. Afinal, o verdadeiro amor não dói, quando dói não é amor, é apego.

Lição de mestre


Certo dia, num grande castelo, com a morte do Guardião, foi preciso encontrar um substituto. O Grande Mestre convocou, então, todos os discípulos para determinar quem seria a nova sentinela. O Mestre, com muita tranqüilidade, falou:

- Assumirá o posto o primeiro que resolver o problema que vou apresentar.

Então, ele colocou uma mesinha magnífica no centro da enorme sala em que estavam reunidos e, em cima dela, pôs um vaso de porcelana muito raro, com uma rosa amarela de extraordinária beleza a enfeitá-lo, e disse apenas: 

- Aqui está o problema.

Todos ficaram olhando a cena: o vaso belíssimo, de valor inestimável, com a maravilhosa flor ao centro. 

O que representaria? O que fazer? Qual o enigma? Neste instante, um dos discípulos sacou a espada, olhou o Mestre e os companheiros, dirigiu-se ao centro da sala e .... ZAPT...... destruiu tudo com um só golpe. 

Tão logo o discípulo retornou ao seu lugar, o Mestre disse: 

- Você será o novo Guardião do Castelo. 

Moral da história:

Não importa qual o problema, este precisa ser eliminado. Um problema é um problema. Mesmo que se trate de uma mulher sensacional, um homem maravilhoso ou um grande amor que se acabou. Por mais lindo que seja ou tenha sido, se não existir mais sentido para ele em sua vida, tem de ser suprimido.

23 de jun de 2011

Seja diferente e faça a diferença


Quanto maior a escuridão ao seu redor, mais necessária será sua luz interior. Sempre que você estiver entre pessoas zangadas, ressentidas, desanimadas ou cínicas é quando você pode fazer a grande diferença e se manter positivamente centrado.

Claro que não é fácil. Com freqüência reagimos à negatividade sendo negativos também. Com isso, conseguimos apenas piorar a situação. Mas você tem a opção de não reagir. Você tem a opção de seguir seu próprio curso. Só porque as pessoas ao seu redor agem negativamente não significa que você também deva agir dessa forma.

Quando todos ao seu redor estiverem frustrados e impacientes, esforce-se ao máximo para manter a calma e a compostura. Quando todos ao seu redor estiverem zangados, esforce-se para ser a voz da razão e da compaixão. Quando todos ao seu redor estiverem desanimados, ofereça a esperança.

Valorizando a vida


Conta a lenda que um rico mandarim chinês encheu-se de tédio pela sua vida faustosa e pelo seu poder sem limites. Nada mais despertava seu interesse, não sentia prazer por coisa alguma. Seus desejos mal eram formulados e já estavam realizados. Tinha perdido sua ligação com a vida e não havia nele a vontade de viver. Percebeu a insensatez e a inutilidade de sua existência e temeu ficar louco. Para acabar com o sofrimento, o rico mandarim ordenou ao seu barbeiro que, num dia qualquer, sem nenhum aviso, ao fazer-lhe a barba, cortasse-lhe a garganta. Era uma ordem e tinha de ser obedecida. 

Nos primeiros dias, o mandarim se fez barbear com toda tranqüilidade, pois não esperava que a ordem fosse cumprida de imediato, mas, à medida que o tempo avançava, começou a se perguntar se o dia seria amanhã. 

O mandarim passou então a viver cada dia como se fosse o último. Livre da obrigação de viver, o rico mandarim se permitia ver como era lindo o amanhecer, como eram diferentes os tons de verde dos seus campos, como era alegre o canto dos pássaros e como eram belas as suas cores, como eram imponentes e cheios de força os rios que cortavam suas propriedades. Viu também toda a beleza de uma tormenta, numa exibição gratuita de energia e violência. Viu também que tinha um corpo e se deu conta de que, só tendo um corpo capaz de sentir, podia viver a beleza da vida. Por tudo isso valia a pena viver! 

Agora o barbear era uma agonia e, embora tivesse dado uma contra-ordem ao barbeiro, trocou de barbeiro, por via das dúvidas.

22 de jun de 2011

Entusiasmo



O que quer que você se comprometa a fazer, faça-o com entusiasmo.

Qualquer pessoa acima dos 30 gostaria, de alguma forma, de ser jovem novamente. E qual é um dos maiores atributos da juventude? O entusiasmo!

Com o passar do tempo, conforme ficamos mais velhos, por alguma razão passamos a acreditar que devemos desistir do nosso entusiasmo.

Isso não faz sentido.

Você quer sentir-se jovem e cheio de energia? Procure algo que o entusiasme. Seu entusiasmo será como uma luz de néon brilhando sobre tudo que você faz.

O entusiasmo o levará adiante em tempos difíceis e deixará seus concorrentes comendo poeira. O entusiasmo é irresistível. É divertido, alegre e efetivo.

Encontre uma maneira de se entusiasmar. Bem vale a pena!

21 de jun de 2011

Mãe


 Mãe! 
Fui a uma festa, e me lembrei do que você me disse.
Você me pediu que eu não tomasse álcool,mãe... 
Então, ao invés disso, tomei uma 'Sprite'. 
Senti orgulho de mim mesma, e do modo como você disse que eu me sentiria e que não deveria beber e dirigir. 
Ao contrário do que alguns amigos me disseram, fiz uma escolha saudável, e teu conselho foi correto.
E quando a festa finalmente acabou, e o pessoal começou a dirigir sem condições... 
Fui para o meu carro, na certeza de que iria para casa em paz .. 
Eu nunca poderia imaginar o que estava me aguardando, mãe... 
Algo que eu não poderia esperar ....
Agora estou jogada na rua, e ouvi o policial dizer:
O rapaz que causou 
este acidente estava bêbado'... 
Mãe; sua voz parecia tão distante...
Meu sangue está escorrido por todos os lados e eu estou tentando com todas as minhas forças, não chorar... 
Posso ouvir os para-médicos dizerem:
- 'A garota vai morrer' . 
Tenho certeza de que o garoto não tinha a menor idéia, enquanto ele estava a toda velocidade, afinal, ele decidiu beber e dirigir, e agora tenho que morrer.. 
Então por que as pessoas fazem isso, mãe? 
Sabendo que isto vai arruinar vidas ?
E agora a dor está me cortando como uma centena de facas afiadas...
Diga a minha irmã para não ficar assustada, mãe! 
Diga ao Papai que ele seja forte. E quando eu for para o céu, escreva 'Garotinha do Papai' na minha sepultura. 
Alguém deveria ter dito aquele garoto que é errado beber e dirigir. 
Talvez, se seus pais tivessem dito, eu ainda estaria com 
Possibilidades de continuar viva.
Minha respiração está ficando mais fraca, mãe, e estou realmente ficando com medo... 
Estes são meus momentos finais e me sinto tão despreparada ..! 
Eu gostaria que você pudesse me abraçar, mãe... Enquanto estou 
Estirada aqui, morrendo, eu gostaria de poder dizer que te amo, mãe.! 
Então.... Te amo e adeus...!'
Essas palavras foram escritas por um repórter que presenciou o acidente. A jovem, enquanto agonizava, ia dizendo as palavras e o repórter, anotando... 

15 de jun de 2011

Para REFLEXÃO

Muitas vezes as pessoas são egocêntricas, ilógicas e insensatas.
Perdoe-as assim mesmo.
Se você é gentil, as pessoas podem acusá-lo de egoísta, interesseiro.
Seja gentil, assim mesmo.
Se você é um vencedor, terá alguns falsos amigos e alguns inimigos verdadeiros.
Vença assim mesmo.
Se você é honesto e franco as pessoas podem enganá-lo.
Seja honesto assim mesmo.
O que você levou anos para construir, alguém pode destruir de uma hora para outra.
Construa assim mesmo.
Se você tem Paz, é Feliz, as pessoas podem sentir inveja.
Seja Feliz assim mesmo.
Dê ao mundo o melhor de você, mas isso pode nunca ser o bastante.
Dê o melhor de você assim mesmo.
Veja você que no final das contas, é entre você e Deus.
Nunca foi entre você e as outras pessoas.

Madre Teresa de Calcutá

A função do medo



A vida é preciosa demais para permitir que o medo a detenha. A função do medo é preparar você, e não segurá-lo.
O medo aguça seus sentidos, direciona sua mente, afia seu julgamento e aumenta seu nível de energia. O medo lhe dá condições de aceitar desafios.

Conheça seu medo, extraia dele forças e vá em frente com o poder que ele lhe dá.
No medo do fracasso estão os instrumentos para o sucesso. No medo da humilhação está a energia para expressar-se com eloqüência. No medo da rejeição você achará a energia para perseverar.
Mas apenas se você não permitir que o medo o detenha. Em muitas ocasiões, o medo vai ajudá-lo a fazer mudanças positivas em sua abordagem.

Mas o medo pode ser desperdiçado se você permitir que ele o detenha. Use o seu medo para agir com mais rapidez e inteligência, e não para fugir.

14 de jun de 2011

Casais Acomodados



Disposição, tempo e vontade...ingredientes básicos e necessários para superar os desgastes dos relacionamentos e para preservar uma saudável vida em comum.

Quando a vida afetiva esvazia-se os parceiros encontram-se isolados e acreditam que não foram amados e muito menos compreendidos. Fogem dos conflitos e refugiam-se num mundo próprio onde impera a vitimosidade e a desqualificação do parceiro.Os "raros" contatos afetivos e sexuais denunciam o desencontro e a deteriorização da relação e o casal passa a comunicar-se apenas para superar os desafios do cotidiano: contas a pagar, educação de filhos, dificuldades domésticas, enfim, cumprem as exigências necessárias para a sobrevida da família.Esconder-se através de mágoas e ressentimentos apenas traduz uma acomodação insana, inadequada e inconveniente.
Talvez o mais importante seja enfrentar o desafio e principalmente manifestar ao parceiro suas necessidades e desejos, juntamente com claras evidências de que espera ser atendido na medida do possível, afinal, um precisa do outro, sim. Se estão unidos por vontade própria e uma vez conscientes da valiosa amorosidade existente no passado, nada melhor que a humildade de reconhecer a importância do outro.

As constantes lamúrias e queixas de um ou de ambos traduzem a necessidade de uma análise justa e comprometida com a verdade, procurando perceber as qualidades e mudanças positivas do parceiro, afinal, é possível fazer uso dos desentendimentos e desencontros para exercitar o diálogo e viabilizar negociações, revendo certas atitudes, assumindo as próprias falhas e principalmente visando um crescimento maduro do casal.
Focalizar a atenção apenas nos defeitos, apontar o dedo para recriminar, julgar-se o(a) coitadinho(a) da relação apenas demonstra a imensa dificuldade de assumir e aceitar quem realmente somos. Por vezes fica difícil enxergar que quase tudo o que recriminamos e desprezamos no parceiro está muito mais presente em nosso próprio comportamento, pensamentos e valores do que no outro.

Assim, é evidente a importância de mudar o foco, redirecionar o olhar e afastar atitudes agressivas de menosprezo que desgastam e rompem elos valiosos e, que além de inviabilizar a solução dos conflitos, deixam marcas definitivamente negativas para o casal.

Sabemos que todos nós queremos acertar sempre e que erramos porque somos "desajeitados", muitas vezes não sabemos como agradar e acabamos sendo mal compreendidos ou até mesmo ferimos quem amamos por não saber expressar nossa real intenção. 

Retomar um passado onde os sonhos e valores caminhavam em uma única direção e quando a vontade de ficar juntos era despertada a cada instante pode trazer algumas saídas para descobrir como e porquê ocorrem o desvirtuamento e abandono das metas e, por que não dizer, saídas para reinventar o amor?

13 de jun de 2011

Auto Crescimento

Todos desejam crescer interiormente e poucos se permitem tal avanço. Muitas vezes, atitudes benéficas são abortadas, atrasando constantemente uma nova consciência.Liberdade de expressão é permitir-se o novo, é deixar para trás o que não faz parte do seu crescimento pessoal, é direcionar a sua atenção somente para o seu propósito de vida: evolução espiritual e o enobrecimento de seu ser.Ser livre é romper as suas próprias barreiras, é permanecer atento às suas próprias atitudes, no sentido de determinar o bem-estar e o seu autocrescimento. Liberte-se de seus bloqueios, de seus medos, de suas aflições, sinta o amor em seu coração e permita-se viver o que está reservado ao seu destino.

10 de jun de 2011

Valorizando a Vida



Conta a lenda que um rico mandarim chinês encheu-se de tédio pela sua vida faustosa e pelo seu poder sem limites. Nada mais despertava seu interesse, não sentia prazer por coisa alguma. Seus desejos mal eram formulados e já estavam realizados. Tinha perdido sua ligação com a vida e não havia nele a vontade de viver. Percebeu a insensatez e a inutilidade de sua existência e temeu ficar louco. Para acabar com o sofrimento, o rico mandarim ordenou ao seu barbeiro que, num dia qualquer, sem nenhum aviso, ao fazer-lhe a barba, cortasse-lhe a garganta. Era uma ordem e tinha de ser obedecida. 

Nos primeiros dias, o mandarim se fez barbear com toda tranqüilidade, pois não esperava que a ordem fosse cumprida de imediato, mas, à medida que o tempo avançava, começou a se perguntar se o dia seria amanhã. 

O mandarim passou então a viver cada dia como se fosse o último. Livre da obrigação de viver, o rico mandarim se permitia ver como era lindo o amanhecer, como eram diferentes os tons de verde dos seus campos, como era alegre o canto dos pássaros e como eram belas as suas cores, como eram imponentes e cheios de força os rios que cortavam suas propriedades. Viu também toda a beleza de uma tormenta, numa exibição gratuita de energia e violência. Viu também que tinha um corpo e se deu conta de que, só tendo um corpo capaz de sentir, podia viver a beleza da vida. Por tudo isso valia a pena viver! 

Agora o barbear era uma agonia e, embora tivesse dado uma contra-ordem ao barbeiro, trocou de barbeiro, por via das 

9 de jun de 2011

Posso Fazer?




A vida melhora imensamente quando você pára de deixar as coisas acontecerem e passa a fazer as coisas acontecerem. Em vez de ser uma vítima, seja alguém que faz. Em vez de procurar alguém para culpar, procure pelo que você pode fazer. Em vez de perguntar “Por que isso aconteceu comigo?”, pergunte “O que posso fazer?”

Estabeleça suas prioridades e concentre-se em seus objetivos. Nenhuma situação pode lhe derrotar quando você vive com determinação. As coisas que lhe acontecem têm uma importância menor do que tudo aquilo que você pode fazer a respeito.

Seu senso de direção, seu foco, seu comprometimento e sua ação eficaz guiarão você em qualquer situação, não importa o que aconteça.

Seja responsável – nos seus pensamentos, suas palavras, suas crenças, suas ações – pelas coisas que acontecem, e elas ficarão muito mais ao seu gosto. Faça a vida acontecer e ela acontecerá para você também. 

Autor Anônimo

8 de jun de 2011




Vivemos procurando razões e respostas para tudo. Procuramos fé, procuramos a verdade, procuramos o conhecimento, procuramos evolução. Enfim, com toda a sapiência o homem procura decifrar muitos mistérios que o cercam. Tudo à sua volta lhe interessa, desprezando muitas vezes o seu lado interior. Desde a criação dos tempos, Deus colocou no interior do homem uma luz de brilho incessante e de harmonização intensa, fazendo dele uma usina de poderosa energia. Todos nós possuímos uma luz própria, que ilumina o nosso caminho e o dos outros. Fazer com que esta luz desperte os horizontes da felicidade é o maior desafio que encontramos todos os dias.

A partir de hoje, comece a olhar mais para o seu interior e viva intensamente a sabedoria de Deus, mostrando que você é uma pessoa iluminada e abençoada. Aproveite este momento de reflexão e busque a iluminação.

7 de jun de 2011

Cuidado com a frustração




A frustração pode ser um círculo vicioso e descendente. Se você se frustra com o seu trabalho, este se torna ainda mais difícil, o que leva a mais frustração. Quando você se frustra com as ações de outras pessoas, suas atitudes freqüentemente reforçam o comportamento ofensivo delas, o que aumenta sua frustração.

Na frustração existe ressentimento, mas também o desejo de melhorar. Esqueça o ressentimento. Ele só serve para tornar a situação ainda pior. Em vez disso, concentre-se na motivação necessária para transformar essa situação em algo proveitoso.

Use a energia da sua frustração não para responder com raiva e ressentimento, mas para seguir em frente de maneira positiva. Não veja sua frustração como uma desculpa para sentir pena de si mesmo. Considere-a como uma forma de identificar oportunidades de crescimento em sua vida.
Esforce-se para eliminar o ressentimento e a auto piedade da sua frustração, e ela se tornará uma força poderosa e positiva.

Dicas de Leitura Motivacional

Comprar Videos Motivacionais

Atualmente muitas empresas e organizações estão encontrando meios para motivar cada vez mais sua equipe de colaboradores e funcionários, pois diversas pesquisas já foram comprovadas que uma equipe bem motivada obtem um maior rendimento no seu trabalho ou na sua função. Portanto a motivação no trabalho e a motivação pessoal tem sido uma grande ferramenta para alavancar as equipes de vendas, equipes de produção, equipes de esportistas, equipes de lideranças, etc... Motive sua equipe com os videos motivacionais, neste novo formato apresenta pequenos videos editados em trailers de filmes, propagandas, e shows musicais, como também exemplos de vidas, como mostra o video motivacional do Tony Melendez, uma verdadeira lição de vida para pessoas que andam acomodadas com a situação de vida que vivem. O Kit Motivacional pode ser adquirido através de email com LINKS para Download. Os links estão individuais para fazer download dos videos motivacionais!.
O KIT MOTIVACIONAL é uma coletânea de videos motivacionais para assistir em seu computador, com trechos de pequenos filmes e videos que dão verdadeiros exemplos de como devemos enfrentar as dificuldades em nosso dia a dia. Além dos videos motivacionais que são excelentes ferramentas motivadoras, você ainda conta com a auto-motivação da sua equipe e dos seus colaboradores quando assistirem esses videos motivadores. O produto é digital no formato .wmv e .fla (roda em windows média player e flash), acompanha programa para visualizar os videos. Kit Motivacional é o maior sucesso no meio motivacional da internet.
Kit Motivacional, é tudo que você precisava para agregar o seu material profissional de motivação, com um ótimo conteúdo especial que você vai se emocionar ao assistir no seu notebook ou no computador. Todas as pessoas que compraram gostaram muito da mensagem transmitida.


Dinâmicas de Grupo para Treinamento MotivacionalDinâmicas de Grupo para Treinamento Motivacional

Motivação nas Organizações

A Essência da MotivaçãoLivro A Essência da Motivação

A Verdadeira MotivaçãoA Verdadeira Motivação

Livros Motivação e DesenvolvimentoLivros Motivação e Desenvolvimento


6 de jun de 2011

Pensamento Crítico


Nós, seres humanos, não aceitamos bem as críticas sobre nossos atos e atitudes. Só que existe dentro da gente uma energia muito interessante, que vibra no sentido da busca do equilíbrio interior. Esta energia chama-se pensamento crítico. O pensamento crítico funciona como uma balança consciente das nossas razões, dando um formato ideal para que possamos viver de bem com a vida e em harmonia constante. Saber respeitar o pensamento crítico, analisando suas potencialidades, seus prós e contras, é a certeza de estarmos definindo com clareza o melhor caminho a ser seguido.

Quando o pensamento crítico transformar-se na sua voz interior, preste bem atenção! Sempre valerá a pena escutar alguém com bastante experiência. 

Lembre-se: saber ouvir é uma das mais importantes lições a serem aprendidas nesta viagem pelo planeta Terra.

3 de jun de 2011

A tigela de madeira




Um senhor de idade foi morar com seu filho, nora e o netinho de quatro anos de idade. As mãos do velho eram trêmulas, sua visão embaçada e seus passos vacilantes. A família comia reunida à mesa. Mas as mãos trêmulas e a visão falha do avô o atrapalhavam na hora de comer. Ervilhas rolavam de sua colher e caíam no chão. Quando pegava o copo, leite era derramado na toalha da mesa. O filho e a nora irritaram-se com a bagunça. 

- Precisamos tomar uma providência com respeito ao papai - disse o filho - Já tivemos suficiente leite derramado, barulho de gente comendo com a boca aberta e comida pelo chão. 

Então, eles decidiram colocar uma pequena mesa num cantinho da cozinha. Ali, o avô comia sozinho, enquanto o restante da família fazia as refeições à mesa, com satisfação. Desde que o velho quebrara um ou dois pratos, sua comida agora era servida numa tigela de madeira. Quando a família olhava para o avô, sentado ali, sozinho, não percebiam que, às vezes, ele tinha lágrimas em seus olhos. As únicas palavras que lhe diziam eram admoestações ásperas quando ele deixava um talher ou comida cair ao chão. 

O menino de quatro anos de idade assistia a tudo em silêncio. 

Uma noite, antes do jantar, o pai percebeu que o filho pequeno estava no chão, manuseando pedaços de madeira. Ele perguntou delicadamente à criança: 

- O que você está fazendo? 
- Estou fazendo uma tigela para você e mamãe comerem, quando eu crescer.

O garoto de quatro anos de idade sorriu e voltou ao trabalho. Aquelas palavras tiveram um impacto tão grande nos pais que eles ficaram mudos. Então lágrimas começaram a escorrer de seus olhos. 
Embora ninguém tivesse falado nada, ambos sabiam o que precisava ser feito. Naquela noite o pai tomou o avô pelas mãos e gentilmente conduziu-o à mesa da família. Dali para frente e até o final de seus dias ele comeu todas as refeições com a família. E por alguma razão, o marido e a esposa não se importavam mais quando um garfo caía, leite era derramado ou a toalha da mesa sujava. 

Não importa o que aconteça ou quão ruim pareça o dia de hoje: a vida continua, e amanhã será melhor. 

Autor Anônimo

Fonte: diabetemotivacional